Olhe para os espaços em sua casa. Ao longo dos anos, você acumulou uma série de objetos. Alguns itens são úteis e necessários. Alguns podem até mesmo lhe trazer prazer, conforto e boas lembranças. Provavelmente, no entanto, a maioria das suas coisas não passa de bagunça – itens desorganizados, deslocados ou que simplesmente deixaram de ser necessários.
No entanto, você ainda os mantém. Talvez você esteja no ponto em que todas essas “coisas” estão lhe deixando louco. A boa notícia?
Quando organiza e elimina a desordem, você se libera do estresse e da ansiedade, eliminando sentimentos de opressão. Organizar lhe proporciona energia renovada, paz interior e mais “espaço mental” para apreciar os aspectos significativos e alegres da sua vida.
A desordem é, muitas vezes, um reflexo do nosso interior. Organizar sua desordem é um caminho para a cura de bloqueios emocionais e confusão interior. Quando você recupera o controle sobre suas coisas, se sente melhor sobre si mesmo e tem mais energia positiva. Você também vai se sentir mais confiante e no controle da sua vida.
Pesquisadores do Centro do Cotidiano de Famílias de UCLA nos EUA estudaram 23 famílias de classe média e como elas vivem em casa com suas coisas. Este estudo revelou o quanto, como sociedade, somos viciados em coisas materiais e tambmém quanto estresse a desordem cria.
Anthony P. Graesch, um professor assistente de antropologia da faculdade de Connecticut, fez a seguinte declaração: “Nós nunca tivemos tanta coisa na casa de uma única família, como temos agora. Em parte, isso está relacionado a esta sociedade de consumo mais intensa na qual vivemos.”
A acumulação tornou-se um modo de vida para a maioria de nós. Você não tem que ser um “colecionador”, um comprador compulsivo ou uma pessoa desorganizada para sofrer de excesso de bagunça. Nossa cultura reforça a acumulação, os gastos com itens de luxo e em focar muito tempo em coisas materiais, em vez de experiências e relacionamentos. Fomos ensinados, de forma errônea, que mais “coisas” é igual a mais felicidade.
Em um determinado momento, no entanto, nos encontramos afogados em papéis, roupas, brinquedos, livros e outros objetos. Nós percebemos que tudo isso não está trazendo mais alegria e paz de espírito. Em vez disso, está extraindo alegria de nossas vidas e tornando-se um peso nas nossas costas.
Se você está, neste exato momento, lutando com a sua desorganização, tenha coragem. Você é capaz de controlar a sua desordem. Eu entendo o quão corrida e exigente é a vida, e como é difícil encarar um grande projeto como organizar uma casa inteira. Apenas o fato de decidir onde armazenar alguma coisa ou se quer ou não jogá-la fora pode ser assustador e frustrante.
Mas existem técnicas para fazer isso de uma maneira simples, prática e eficaz. Uma vez que você tenha conseguido vencer o desafio de se livrar de todo este peso e organizar o seu ambiente a sua vida irá passar por uma profunda mudança. Você terá mais disposição, energia, paz de espírito, leveza, criatividade… são inúmeros os benefícios de viver em um local limpo, arrumado, onde você está cercado apenas pelas coisas que de fato têm significado e importam para você.
Quer fazer uma experiência? Pegue alguns sacos de lixo e livre-se de tudo aquilo que acredita que não representa mais nada ou não tem nenhuma utilidade para você. Este pequeno gesto já irá trazer um bem-estar instantâneo. Não consigo descrever como é boa a sensação de estar em um lugar onde você está cercado apenas por coisas que você gosta e têm um propósito de estar ali.
Essa filosofia é tão poderosa que ela está muito presente no design moderno. Veja a Apple, por exemplo. Sempre quando vemos um produto, programa, vídeo, cartaz etc. qual é a primeira coisa que pensamos? “É tudo tão clean. E tão bonito.” Basicamente, eles se livram de tudo que é desnecessário para que você possa focar naquilo que realmente importa.
Então, se você está sentindo uma angústia interior que não sabe direito descrever, em vez de perguntar “O que está faltando em minha vida?”, pergunte-se: “O que está sobrando nela?”. Livre-se de todo esse peso. Este é o caminho mais fácil, rápido, econômico e causar uma grande transformação agora mesmo.
Para terminar, deixo uma pequena história:

Uma vez li alguma coisa a respeito de uma garota que pedia para a sua avó a solução de um problema grave. A avó disse: “suba, arrume suas gavetas e após fazer isso você terá a solução”.

Experimentei perguntar para as pessoas mais velhas se realmente existe uma conexão e perguntei certa vez para a minha avó o que tinha a ver a gaveta com os problemas e ela muito sabiamente me falou que a gaveta desarrumada é o espelho da vida, então toda vez que você está com alguma coisa bagunçada, alguma área de sua vida manifesta bagunça. Toda vez que você está com alguma coisa desorganizada, essa desorganização se reflete na sua vida.

Lembre: você é um reflexo de Deus, um reflexo do universo. Você tem um mundo dentro de si. Sua casa é um reflexo de seus estados emocionais. Se você tem dentro de si reflexo do mundo, quando está desorganizado interiormente, manifesta isto exteriormente.

Quando essa manifestação exterior veio antes, você pode reorganizar o seu mundo interno mostrando simbolicamente que está arrumando externamente.

O universo funciona assim: o que está dentro está fora. O que está em cima está embaixo. O que está de um lado está de outro. Então se você lembrar sempre que pode influenciar o interior com o exterior e vice-versa, você tem a chave para a organização total.

No momento em que você limpa a sua gaveta e joga fora aquilo que não presta, está reprogramando simbolicamente o seu interior. É uma das melhores chaves para conseguir serenidade e respostas para problemas muito difíceis. Aproveite este começo de ano, e arrume suas gavetas. Com certeza vai ajudar você a encontrar solução para muitos de seus problemas.

Autor desconhecido

Sugestão de Leitura:

“A mágica da arrumação”, Marie Kondo
“Organize em 10 minutos” – O hábito sem estresse para simplificar sua casa, S.J. Scott


Gostou? Então, acesse agora: www.paulomachado.com para saber mais.